Avançar para o conteúdo principal

Fundação Maria do Carmo Roque Pereira

Caros Amigos

Como muitos já sabem, o Miguel e eu dedicamo-nos de alma e coração já há vários anos à Fundação Maria do Carmo Roque Pereira.

A Fundação é uma IPSS cuja actividade principal é uma creche e um jardim Infância na zona da Graça, em Lisboa, com 50 Crianças entre os 18 meses e os 5 anos. Apoiamos também cerca de 80 familias (mais de 250 pessoas) através da entrega de cabazes do Banco Alimentar.

Funcionamos há alguns anos nos Claustros da Igreja da Graça. Um sitio lindissimo mas com muitas limitações e algumas faltas de condições, que todos os dias vamos tentando melhorar para oferecermos o melhor serviço - a equipa que ali está é extraordinária e às vezes faz verdadeiros milagres.

Como IPSS vocacionada para o apoio a famílias desfavorecidas e com muitas dificuldades, todos os dias apertamos o cinto e temos mesmo a corda ao pescoço.
Precisamos de adquirir equipamentos e materiais, e sobretudo algumas obras são necessárias para que possamos manter os requisitos mínimos exigidos pela Segurança Social e ME e assim continuarmos a nossa missão - sem isso, a nossa creche corre o risco de fechar, o que lançaria na verdadeira miséria famílias inteiras que vivem já na pobreza, devido à falta do salário das mães que teriam que deixar de trabalhar para ficar com um bebé em casa. Não imaginam a angústia que nos dá só de pensar nisso. 

Por isso, me dirigo a todos a pedir a vossa ajuda. Quer seja com donativos em dinheiro, ofertas de bens, ou até contactos directos com empresas que nos possam ajudar quer monetariamente quer com oferta de produtos (por exemplo, não conhecem ninguem na RENOVA para que nos possam oferecer papel higiénico? Era menos uma despesa...).

Aqui ficam algumas das coisas que precisamos:

Triciclos
Utensílios de cozinha (nomeadamente um passevite e um passador semi industrial)
Electrodomésticos (especialmente uma máquina de lavar roupa)
Estantes (em princípio temos que ser nós a comprar pois há normas de segurança a cumprir) 
Caminhas novas
Uma mesa e cadeiras para a sala dos mais pequeninos
Equipamentos lúdicos para o jardim 
Aquecedores (o espaço é enorme e muito difícil de aquecer)
Fundos para actividades dos meninos no exterior da instituição (o transporte sai caríssimo porque é exigido um autocarro com cadeirinhas de criança) 
Caixa de exterior para guardar brinquedos grandes
Fotocopiadora
Vasos grandes
Várias coisas necessárias para a segurança do jardim (cerca, protecções nos troncos de árvores, etc.)
Precisamos ainda de cimentar o acesso à creche, de pintar os claustros, e o nosso grande sonho é conseguir arranjar o jardim pondo relva e a respectiva rega (ninguém conhece uma empresa de jardinagem de boa vontade? Também temos orçamentos para quem quiser ajudar financeiramente essa obra)

tudo é bem vindo.... e assim, grão a grão.....

deixo-vos já o nosso NIB - Fundação Maria do Carmos Roque Pereira - 0035 0355 0000 0255 8301 3 (CGD) (não esqueçam de pôr o vosso nome para identificarmos a transferência!)

e peço-vos o favor de passar a palavra.

A Fundação passa recibo de donativo que desconta 130% no IRS (para isso precisamos do nome, morada e NIF), e até apresentamos os recibos das compras para confirmarem em que se gastou o valor doado caso queiram dar uma ajuda para alguma coisa específica da lista acima.
Prometo que serão compensados com a amizade e Oração de todas as crianças e funcionárias da creche, e acima de tudo com as nossas, é claro

OBRIGADA E FELIZ NATAL

Thereza Ameal (Amêndoa)
Miguel Ameal
Susie Ambrósio (Directora de Serviços)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O que é o Fundraising?

«O conjunto de estratégias e procedimentos que levam as pessoas a darem voluntariamente recursos financeiros»

- O seu objetivo é conseguir doações;
- Mais do que conseguir doações, é conseguir doadores;
- Mais do que conseguir doadores é montar um sistema de conquista de doadores;
- Um sistema que os leve a doar cada vez mais e com maior frequência;
- Por fim, um sistema que os leve a deixarem um legado;
- E que façam tudo isso com alegria identificando-se com a causa da instituição.

Chamadas telefónicas de valor acrescentado

Recebi um e-mail com esta mensagem e embora não concorde com tudo o que se diz, aliás porque entendo que haja um custo de manutenção, deixo aqui este registo sobre as chamadas de valor acrescentado e que é sintomático daquilo que as pessoas pensam. Qualquer novo serviço, por mais positivo que seja, se não for suficientemente bem explicado, pode levantar dúvidas e até calúnias.

«É uma vergonha o que se passa com o valor das chamadas telefónicas de ajuda a vítimas de catástrofes. Vejamos então o que se passa com as ditas chamadas: Cada chamada custa a quem a faz 72 centimos (60 centimos + IVA). No entanto para as organizações de ajuda no terreno são canalizados apenas 50 centimos, ou seja mais ou menos 69% do que pagámos. Os restantes 31% - 22 cêntimos - vão uma parte para o IVA 20% e restante não sabemos bem para quem.

Assim, dos 72 centimos que oferecemos, temos que:
- organizações de Solideriedade recebem 50 centimos
- para os cofres do governo através do IVA 20% 12 cêntimos
- não sab…