Avançar para o conteúdo principal

Choradinho, tristeza e culpa em Fundraising

Neste final do ano, acompanhei inúmeros apelos feitos por diversas organizações a quem estou ligado, seja através de correspondência por correio, seja através de anúncios na Internet, rádio e TV.

O mês de Dezembro é por excelência um tempo em que recebemos muitas solicitações para apoiar as mais diversas causas. Devido ao meu trabalho, interessa-me, particularmente, a forma como é feita a comunicação destas causas.

A maior parte das campanhas apelam ao nosso lado sentimental, o que está certo, mas reconheço que não me sinto confortável quando uma mensagem me faz sentir culpado.

Algumas campanhas são engraçadas, têm humor e algum bom gosto. Outras são chatas, aborrecidas ou mesmo chocantes. Existem anúncios deprimentes, e eu não preciso de ficar deprimido nesta quadra de Natal e Ano Novo. Aliás, desconfio que nunca ninguém quer ficar deprimido, muito menos as pessoas que colaboram com as nossas causas, doadores, benfeitores, colaboradores, fãs, seguidores, embaixadores, etc., querem conhecer o nosso sucesso.

Querem saber como é que o seu contributo transforma o mundo e melhora a vida de pessoas concretas. Querem ver crianças sorridentes a brincar. Querem ler histórias felizes sobre pessoas sem-abrigo que encontraram apoio e formação para sair das ruas. Querem saber que o seu apoio fez acontecer algo de bom.

Vivemos tempos difíceis e o dinheiro não abunda. Se quisermos realmente que as pessoas apoiem as nossas organizações ou causas, então devemos contar-lhes histórias de sucesso e mostrar-lhes, cada vez mais, as coisas boas que fomos capazes de fazer no passado e que, certamente, iremos fazer no futuro.

Evite o choradinho, a tristeza e não tente usar a culpa para conseguir mais donativos!
 
Um Bom Ano Novo!

foto Wiki

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O que é o Fundraising?

«O conjunto de estratégias e procedimentos que levam as pessoas a darem voluntariamente recursos financeiros»

- O seu objetivo é conseguir doações;
- Mais do que conseguir doações, é conseguir doadores;
- Mais do que conseguir doadores é montar um sistema de conquista de doadores;
- Um sistema que os leve a doar cada vez mais e com maior frequência;
- Por fim, um sistema que os leve a deixarem um legado;
- E que façam tudo isso com alegria identificando-se com a causa da instituição.

Fundação Maria do Carmo Roque Pereira

Caros Amigos
Como muitos já sabem, o Miguel e eu dedicamo-nos de alma e coração já há vários anos à Fundação Maria do Carmo Roque Pereira.

A Fundação é uma IPSS cuja actividade principal é uma creche e um jardim Infância na zona da Graça, em Lisboa, com 50 Crianças entre os 18 meses e os 5 anos. Apoiamos também cerca de 80 familias (mais de 250 pessoas) através da entrega de cabazes do Banco Alimentar.

Funcionamos há alguns anos nos Claustros da Igreja da Graça. Um sitio lindissimo mas com muitas limitações e algumas faltas de condições, que todos os dias vamos tentando melhorar para oferecermos o melhor serviço - a equipa que ali está é extraordinária e às vezes faz verdadeiros milagres.

Como IPSS vocacionada para o apoio a famílias desfavorecidas e com muitas dificuldades, todos os dias apertamos o cinto e temos mesmo a corda ao pescoço.
Precisamos de adquirir equipamentos e materiais, e sobretudo algumas obras são necessárias para que possamos manter os requisitos míni…

FUNDRAISING EM AÇÃO

A COIMBRA BUSINESS SCHOOL informa que oMódulo 1 “Introdução + Fundraising planeado”deverá ter início a 21 de Outubro, decorrendo às sextas-feiras, com o preço especial de 160 €.
Trata-se do módulo introdutório à pós-graduação “FUNDRAISING EM AÇÃO”, mas pode funcionar de forma isolada, sendo um instrumento básico para quem quer conhecer e usar os conceitos e ferramentas da angariação de fundos.
Revela os princípios fundamentais para conhecer e comunicar com os seus potenciais doadores e desenvolver um plano estratégico para a organização, podendo assim aplicar desde já uma campanha de fundraising eficaz.
Mais informações em http://bs.iscac.pt/posgraduacao/